Arquivo da tag: Casa das Rosas

Rave Cultural – Casas das Rosas

Padrão

Divulgação_FanzinadaCR1A Casa das Rosas comemora dia 14 de dezembro seu 9° aniversário desde que passou a ser chamar, Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura, a data é celebrada com a tradicional Rave Cultural.

O tema deste ano é Caligrafias, e vai reunir produções de quadrinhos e zines,  e homenagear a obra do poeta Edgard Braga. Também será lançado o Livro Jardim das Resistências – Uma história da Casa das Rosas, da jornalista Ana Maria Ciccacio que conta a história da Casa das Rosas desde sua construção na década de 1930 até a contemporaneidade do museu.

Na programação atividades como: feira livre de livros para pequenas editoras e produções independentes, bate papo sobre produção de histórias em quadrinhos, apresentação Musical do Projeto “Encuentro”, duo formado por Caroline Blumer e Hevaldo Souza, apresentação de Vídeo Mapping, Recital em homenagem a Edgar Braga, Saraokê, Frederico Barbosa  diretor da Casa das Rosas,  apresenta e convida o público para recitar poemas com um fundo musical e ainda o projeto MadCap de Rafa Ferrer, nome importante na cena musical independente.

Rave Cultural 2013 – Caligrafias
Quando? Dia 14 de dezembro das 10h às 0h
Onde? Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura
Avenida Paulista, 37 – próximo à Estação Brigadeiro do Metrô.
Quanto? Entrada Gratuita
Convênio com o estacionamento Patropi: Alameda Santos, 74.
Tel.: (11) 3285-6986 / (11) 3288-9447.
http://www.casadasrosas.org.br

Mais Literatura – FLAP! 2013

Padrão

flapEntre os dias 20 e 22 de setembro a FLAP! (Festa Alternativa de Poesia) retorna à capital paulista com sua abertura oficial ás 20 h na Casa das Rosas – Espaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura, com o show do poeta Rodrigo Garcia Lopes, que lançará o disco Canções do Estúdio Realidade. E em seguida a bailarina Karine Kelly Pereira apresentará poemas da Antologia Poética FLAP!

Os apresentadores Gabriel Kolyniak e Rafael Daud anunciam as intervenções do músico e poeta Operário Ribeiro e a participação especial do poeta e multiartista Caco Pontes. Para encerrar o primeiro dia, haverá uma projeção de vídeos, com a leitura de poetas da América Latina como Yohanna Jaramilo, Lorena Saucedo, Yaxkin Melchy, Hector Hernandez Montecinos, Enrique Winter e Jocelyn Pantoja.

Realizada como uma contrapartida à FLIP (Feira Literária Internacional de Paraty). A FLAP! busca promover um debate mais franco e atrevido, que envolve outros gêneros literários, especialmente a poesia. A proposta é de realizar um diálogo com o público e trazer vários autores da área, entre eles leitores, editores, críticos, livreiros, professores e escritores.

Em outros endereços

No dia 21, ocorrem mesas redondas como “O Corpo e as margens” na Biblioteca Mário de Andrade, “O Silêncio do Tradutor” e “Memória (e esquecimento) da Violênca” no Espaço Dos Satyros.
No último dia, 22, acontecem mesas-redondas “O pacto da Indiferença – Apatia e Crítica na contemporaneidade” e “A Poesia Se Vende? Os números crescem como orelha de burro ou rabo de cavalo?” ambas na Biblioteca Alceu Amoroso Lima.

A confraternização de encerramento será na Feirinha Gastronômica da Praça Benedito Calixto, em Pinheiros.

Toda programação da FLAP é gratuita.

Mais informações e programação completa no site: http://www.flap2013.com.br

Abertura FLAP! 2013
Quando? De 20 a 22 de setembro dia 20 abertura oficial a partir das 18h
Onde? Casa das Rosas – Avenida Paulista, 37.
Horário de funcionamento: de terça-feira a sábado, das 10h às 22h;
Domingos e feriados, das 10h às 18h.
Tel.: (11) 3285-6986 / (11) 3288-9447.

Outros endereços que receberão a FLAP! 2013
Biblioteca Mário de Andrade: Rua da Consolação, 94 – República.
Espaço Dos Satyros: Praça Franklin Roosevelt, 214, Consolação.
Biblioteca Alceu Amoroso Lima: Rua Henrique Schaumann, 777, Pinheiros
Praça Benedito Calixto, 85, em Pinheiros.

 

Mônica Salmaso, André Mehmari, Alice Ruiz e Alzira Espíndola são destaques da Virada Cultural na Casa das Rosas

Padrão
Mônica Salmaso é um dos destaques da programação na Casa das Rosas

Mônica Salmaso é um dos destaques da programação na Casa das Rosas

A Casa das Rosas participa da 9ª edição da Virada Cultural com a Virada da Poesia – programação para todas as idades.

Oficialmente, a Virada Cultural começa às 18h do sábado, 18, mas a Casa das Rosas antecipou para as 15h com apresentação do Grupo Ôctôctô. O sábado todo e a madrugada de domingo serão dedicados aos eventos direcionados para o público adulto, entre eles o show “Paralelas”, com Alice Ruiz e Alzira Espíndola; o encontro da cantora Mônica Salmaso com o pianista André Mehmari; e “Tanto Faz”, homenagem ao poeta Paulo Leminski que o músico e ator Danilo Tomic fará. Haverá ainda o sarau “Saraokê”; a performance “Minimal”, com Carlos Pontes; e a peça “Navalha na Liga”, encenação de poemas de Alice Ruiz feita pela Cia. Da Palavra às 3h da madrugada.

No domingo, 19, a partir das 11h, o público infantil terá a “Oficina de bonecos de sombra”, com a Infinita Companhia; a contação de histórias realizada pela Cia Duo Encantado, “Entre contos, peripécias e brincadeiras – o boi bumbá”, às 14h30; e, encerrando o evento, às 16h, a apresentação musical “São João do carneirinho”, com a Cia Cabelo de Maria.

Confira a programação completa em: http://www.casadasrosas-sp.org.br

Virada Cultural na Casa das Rosas
Onde? Av. Paulista, 37
Quando, 18 e 19 de maio
Grátis

Em maio, museus terão entrada gratuita aos sábados

Padrão

01_pinacoteca_spDe 13 a 19 de maio, museus de todo o País participam da Semana Nacional de Museus com diversos eventos. Em São Paulo, no entanto, essa comemoração vai durar mais tempo: a Secretaria de Estado da Cultura preparou uma série de atividades especiais que acontecerão durante todo o mês de maio, em 17 museus do Estado. Com programação integrada em torno do tema “Museu MeUeSEU: de todo mundo”, exposições inéditas, instalações, palestras e oficinas apresentam o museu como um bem comum a ser usufruído pelos mais variados públicos. Além disso, os visitantes terão entrada gratuita em todos os sábados do mês: dias 4, 11, 18 e 25. Para lembrar: o Dia Internacional dos Museus é comemorado em 18 de maio.

O tema proposto – “Museu MeUeSEU: de todo mundo” – tem o objetivo de reforçar a ideia de que o Museu é um espaço público e está à disposição de toda a população. Por isso, a Secretaria busca oferecer uma programação atrativa que contemple diversos públicos, buscar atrair as famílias para compartilhar momentos de lazer, conhecimento e cultura. Os museus também terão ações em rede, com atividades conjuntas envolvendo mais de uma instituição, provocando os visitantes a descobrir as possibilidades de contato entre as especialidades dos diferentes museus.

O programa inclui, em São Paulo, a Casa das Rosas, Casa Guilherme de Almeida, Catavento, Museu Afro Brasil, Museu de Arte Sacra, Memorial da Resistência, Museu da Casa Brasileira, Museu da Imagem e do Som, Museu do Futebol, Museu da Língua Portuguesa, Paço das Artes, Pinacoteca e Estação Pinacoteca.

Casa das Rosas promove concerto em homenagem a L.C. Vinholes

Padrão

casadasrosasDentro da programação 10-100-H, que marca os dez anos da morte de Haroldo de Campos, o Centro de Referência Haroldo de Campos da Casa das Rosas, promove na sexta-feira, 26 de abril, às 20h, 80 anos em 80 minutos, concerto em homenagem ao compositor L. C. Vinholes, um dos propagadores da Poesia Concreta brasileira no Japão e amigo de Haroldo desde a década de 1950.

Luiz Carlos Lessa Vinholes foi aluno e secretário de Hans-Joachim Koellreuter na década de 1950 e especialista em música antiga japonesa, é considerado um pioneiro da música aleatória no Brasil. Seu acervo bibliográfico de poesia japonesa e de Poesia Concreta está em processo de doação ao Centro de Referência Haroldo de Campos.

A direção musical do evento estará a cargo de Sérgio Villafranca, pianista e compositor, um dos últimos colaboradores diretos de H. J. Koellreutter, função esta também desempenhada por L. C. Vinholes na década de 1950.

O repertório de peças do concerto compreende obras com a técnica de composição tempo-espaço, de 1956, que libertou o compositor das linguagens tradicionais, bem como as instruções, de 1961/1962, parâmetros que permitiram surgir as primeiras obras de caráter aleatório da música brasileira.

Concerto: 80 anos em 80 minutos
Quando? 26 de abril, sexta-feira, às 20h
Onde? Casa das Rosas – Av. Paulista, 37
Grátis