Arquivo da tag: Centro

Pateo do Collegio inaugura a exposição “Meninas do Brasil”

Padrão

Após ser muito bem recebida pelos paulistanos no Conjunto Nacional, na avenida Paulista, a exposição “Meninas do Brasil”, do artista plástico jesuíta Geraldo Lacerdine, segue para um novo endereço: no Centro Histórico da cidade. A partir de 13 de novembro, o Pateo do Collegio recebe as telas que retratam a trajetória de 15 mulheres brasileiras, de diferentes gerações. Lacerdine teve o dom de transformar narrativas destas personagens obras de arte.

O trabalho é resultado de uma pesquisa de oitos anos sobre cultura brasileira, que teve como foco central a mulher como expressão cultural. “São histórias tristes e profundas. Apesar do sofrimento, eu queria destacar a dignidade de cada uma delas e a maneira foi dar cores a estas histórias”, explica o artista. O objetivo da exposição foi dar voz a mulheres anônimas, que muitas vezes são silenciadas pela exclusão social por serem desprezadas, abandonadas, pobres ou negras e foi com cores vibrantes e fortes que Lacerdine resolveu homenagear estas personagens.

Entre as histórias estão as de Elizete, a primeira da série, do interior de São Paulo, abandonada pelo marido que teve de cuidar de cinco filhos sozinha; Dandara, uma sem-teto de Belo Horizonte (MG); Tereza, de 78 anos, que vive em uma solidão profunda após ser esquecida pelos filhos; Alice de 13 anos grávida do próprio pai; e de Judite, 50 anos, que espera por um homem que conheceu quando moça.

São telas de acrílica sobre compensado, que reproduzem quase em tamanho original das personagens, medem cerca de 1,30m x 1,80m. Ao lado de cada obra, há um descritivo da história da mulher retratada na pintura – com alguns fragmentos de depoimentos. Em meio à exposição haverá uma cabine onde será possível escutar a voz das próprias mulheres junto às imagens das obras.

Meninas do Brasil
Onde? Pateo do Collegio – Praça Pateo do Collegio, 2
Quando? 13 de novembro a 20 de dezembro, terça a domingo, das 10h às 16h
Ingresso: R$ 6,00

Anúncios

Fotos de Claudia Andujar cobrem o centro de São Paulo

Padrão

Desde o último sábado, 3 de novembro, as fotografias da artista Claudia Andujar – conhecida por no final da década de 1970 dedicar-se exclusivamente à luta pela preservação do povo Yanomami – estão expostas em dimensões gigantescas no Prédio Histórico dos Correios, centro de São Paulo. A instalação que recebeu o nome de Sonho Verde Azulado tem curadoria de Eduardo Brandão e conta com quatro imagens que juntas somam 1200 m². Além disso, uma foto com 270 m² será exposta no prédio vizinho. A instalação faz parte do projeto Cidade galeria que consiste em uma plataforma de várias ações multimídia que tem como propóstio levar arte para fora dos museus e galerias. Sonho Verde Azulado e vai permanecer até novembro do ano que vem.

A equipe do Conexão Culto foi conferir a abertura da mostra. Veja a galeria de fotos!

Este slideshow necessita de JavaScript.

* Crédito das imagens: Mônica Bento

 

Mostra Corpos Presentes

Padrão

Se você andou recentemente pelo Centro de São Paulo, com certeza notou uma estranha aglomeração ao redor de um prédio no Vale do Anhangabaú. Aparentemente, parecia alguém querendo se jogar lá de cima. Não se assuste! Tratava-se de uma das 31 esculturas em tamanho real espalhadas ao redor do Centro Cultural Banco do Brasil, como parte da mostra Corpos Presentes – Still Beings, do escultor inglês Antony Gormley.

Em cartaz até 15 de julho, a mostra se divide em dois ambientes: o interno, que ocupa o edifício do CCBB e o externo, que são as ruas ao redor do prédio. Trata-se também da primeira individual do artista britânico no Brasil.

Fundidas em ferro as esculturas exploram a relação do corpo humano com os espaços pelos quais ele transita. Para esculpir as figuras Gormley usou a si mesmo como modelo. Além de Londres, as esculturas já foram expostas em Manhattan.

Corpos Presentes
Onde? CCBB – Rua Álvares Penteado, 112
Quando? Até 15 de julho; terça a domingo, das 9h às 21h
Grátis

Caminhada noturna pelo centro – Amanhã tem!

Padrão

Você sabia que durante todas as quintas-feiras é possível fazer um tour cultural pelo centro de São Paulo? O projeto Caminhada Noturna promove um percurso gratuito, com duas horas de duração, pelas imediações do Teatro Municipal, ponto de início e fim do roteiro.

Semanalmente, de 50 a 100 pessoas participam da caminhada, entre turistas e paulistanos interessados em conhecer os aspectos históricos e arquitetônicos da cidade. O percurso conta sempre com a participação de especialistas nas áreas de arquitetura, artes plásticas, história e urbanismo, num passeio onde o simples ato de caminhar, observar e contar histórias faz com que percebamos o significado e a grandiosidade desta metrópole.

Amanhã, 31 de maio, a Associação Viva O Centro vai integrar a programação da atividade. Para consultar o roteiro, clique aqui!

Caminhada Noturna
Onde? Pça. Ramos de Azevedo, s/ nº (em frente ao Teatro Municipal)
Quando? Todas as quintas, às 20h
Grátis