Arquivo da tag: Elis Regina

Rita Lee Mora ao Lado – O Musical

Padrão

timthumbEm cartaz até 29 de junho no Teatro das Artes em São Paulo, o musical Rita Lee Mora ao Lado é uma comédia adaptada do livro “Rita Lee Mora ao Lado – Uma Biografia da Rainha do Rock”, do escritor Henrique Bartsch.

A atriz Mel Lisboa é quem vive a roqueira no musical, que tem direção Débora Dubois e Márcio Macena.

O espetáculo segue o mesmo roteiro do livro e mistura realidade e ficção para contar a trajetória da cantora desde a época dos Mutantes, nos anos 60, até os dias de hoje, por meio das divertidas confusões de Bárbara Farniente, uma vizinha que sempre acompanhou de perto a vida da família da cantora.

A montagem apresenta detalhes pouco conhecidos da vida da artista sobre um pano de fundo que inclui personagens da música dos últimos 50 anos, como Tim Maia, Gilberto Gil, Caetano Veloso, Ney Matogrosso, Elis Regina, Gal Costa e muitos outros.

Repleto de canções que marcam os trabalhos de Rita em formações como Teenager Singers, Tutti Frutti e Mutantes, além de sua carreira solo e as parcerias com Roberto de Carvalho. Serão executados ao vivo sucessos como “Agora só falta Você”, “Saúde”, “Banho de Espuma”, “Caso Sério”, “Menino Bonito”, “Panis et Circenses”, “Ando Meio Desligado”, entre outros.

Espetáculo “Rita Lee Mora ao Lado”
Baseado na obra de Henrique Bartsch
Quando? Até dia 29 de junho Sextas: 21h30 Sábados: 21h e Domingos: 19h
Onde? Teatro das Artes Shopping Edlorado – Av. Rebouças, 3.970, 3º piso
Quanto? De R$ 60,00 até R$ 100,00
Classificação? 14 anos
Duração? 140 minutos
Informações: (11) 3034-0075

Elis, A Musical

Padrão

Elis cartazFica em cartaz até dia 13 de julho no Teatro Alfa em São Paulo o espetáculo Elis, A Musical, com texto de Nelson Motra e Patrícia Andrade direção de Denis Carvalho e apresentando Laila Garin como Elis Regina o musical mostra personagens emblemáticos da cultura do país, como Miele, Jair Rodrigues, Vinícius de Morais, Tom Jobim, Ronaldo Bôscoli, Cesar Camargo Mariano e Lennie Dale, entre muitos outros.

Os papéis de Ronaldo Bôscoli e Cesar Camargo Mariano, os dois maridos de Elis, são interpretados respectivamente por Felipe Camargo e Claudio Lins. Outros 16 atores se revezam em vários papéis, em uma história que leva para o palco diversas figuras importantes da cultura nacional.

Reúne ainda canções que se tornaram grandes sucessos na voz de Elis Regina, entre elas clássicos como “Arrastão”, “Casa no campo”, “Águas de março”, “Dois pra lá, dois pra cá”, “Como Nossos Pais”, “Aos Nossos Filhos”, “Fascinação”, “O Bêbado e o Equilibrista”, “Madalena”, “O Trem Azul” e “Redescobrir”. São ao todo 51 musicas.

Nelson Mota acompanhou de perto a vida e carreira de Elis, tendo sido seu amigo e produtor. “Trinta anos depois de sua morte, ela continua como a maior referência de todas as novas gerações de cantoras. O convite para escrever o musical me deixou O convite para escrever o musical me deixou imensamente feliz”, atesta ele.

“Elis, a Musical” é uma produção da Aventura Entretenimento em parceria com a Buenos Dias. O espetáculo é apresentado pela Bradesco Seguros com incentivo do Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, e também conta com patrocínio de empresas como Shell e Multiplus.

Elis, A Musical

Onde? Teatro Alfa – R. Bento Branco de Andrade Filho, 722 – Santo Amaro São Paulo
Quando? Quinta-Feira às 21h. Sexta-feira às 21h30 Sábado àS 16h e 20h e Domingo áS 17h
Quanto? de R$ 60,00 á R$ 180,00
Duração? 3horas
Classificação: 12 anos
Acessibilidade Motora e Visual

Virada Cultural terá palco dedicado à Elis Regina

Padrão

Uma das maiores intérpretes da música popular brasileira, para muitos a maior, terá um palco inteiramente dedicado a ela no bulevar São João durante a 8ª edição da Virada Cultural. É lá que 13 cantoras e o cantor Jair Rodrigues irão homenageá-la, tocando 14 discos emblemáticos de diferentes momentos da carreira da Pimentinha, falecida há 30 anos.

MPB, samba, rock e jazz, foram muitos os ritmos pelos quais a cantora incursionou e gravou canções que fazem parte do repertório de todo cantor brasileiro. Essa diversidade estará representada em títulos tão distintos quanto “Elis & Tom” (1974), interpretado pela cantora Luciana Alves e o pianista Diogo Poças; “Em Pleno Verão” (1970), na voz da cantora Ully Costa (Sandália de Prata); “Elis Regina e Toots Thielemans – Aquarela do Brasil” (1969), interpretados pela voz de Joana Duah e Gabriel Grossi no harmônico, fazendo as vezes da gaita de Thielemans; entre outros.

Elis morreu com apenas 36 anos. Gaúcha, começou a cantar aos sete anos de idade no Clube do Guri. Foi uma presença marcante na era dos Festivais e responsável por dar projeção a importantes compositores da música brasileira como Belchior, João Bosco e Aldir Blanc, além de ter sido uma grande intérprete dos compositores do Clube da Esquina, projetando nacionalmente nomes como Lô e Márcio Borges, Ronaldo Bastos e Milton Nascimento.

São célebres seus duetos com Jair Rodrigues, Tom Jobim e o gaitista Toots Thielemans, que estarão representados em três shows diferentes. Outros duetos ainda estarão presentes na programação do palco, como o show de abertura com o maestro Adylson Godoy, responsável pelos arranjos do disco “Dois na Bossa Volume Dois”, que toca acompanhando Adriana Godoy, sua filha.

Elis Regina ganha exposição em São Paulo

Padrão

A partir de 14 de abril, o Centro Cultural São Paulo vai ser palco, ou melhor, sede, de uma exposição sobre uma das mais importantes cantoras brasileiras, Elis Regina.

Idealizada por João Marcelo Bôscoli, filho da cantora, a mostra integra o projeto “Nivea Viva Elis” e vai contar com uma série de apresentações musicais de Maria Rita.

Na exposição, o público poderá conferir mais de 200 fotos de Elis, além de entrevistas, ingressos, pôsteres de shows, vídeos de apresentações ao vivo, speciais de televisão, réplica de figurinos, revistas e jornais da época, e depoimentos de artistas que trabalharam com a intérprete.

Após a passagem por São Paulo, que deve ser encerrada em 20 de maio, a exposição segue para Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Nivea Viva Elis
Onde? Centro Cultural São Paulo – Rua Vergueiro, 1000 – Liberdade
Quando? 14 de abril a 20 de maio, terça a sexta, das 10h às 19h30, sábado, domingos e feriados, das 10h às 17h30
Grátis